Notícia
15/12/2013 11:37
Capacitando profissionais da Canoagem Velocidade e Paracanoagem
Alunos dos cursos de Formação de Árbitro Nacional de Canoagem Velocidade e Classificação Funcional de Paracanoagem são avaliados no Brasileiro 2013
Além das intensas disputas entre os melhores canoístas do Brasil durante o Campeonato Brasileiro de Canoagem Velocidade e Paracanoagem 2013, o evento realizado até este domingo no CEPEUSP, em São Paulo, serve de testes para outros tipos de profissionais que trabalham com as modalidades no país. Alunos dos cursos de Formação de Árbitro Nacional de Canoagem Velocidade e de Classificação Funcional de Paracanoagem foram avaliados durante o evento na capacitação e ampliação do corpo técnico das modalidades em virtude do Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016.

Curso de Formação de Árbitros Nacionais de Canoagem Velocidade

Os alunos do Curso de Formação de Árbitros Nacionais de Canoagem Velocidade, realizado em diversas etapas desde outubro deste ano, seguem sendo avaliados agora na parte prática durante o Campeonato Brasileiro. Eles atuam como auxiliares de competição em ação oferecida pela Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) com parceria com o Comitê Organizador Rio 2016 que busca dinamizar e fortalecer o desenvolvimento técnico de todos os profissionais envolvidos com a Canoagem Velocidade e Canoagem Slalom, ambas modalidades olímpicas do esporte.

No começo do curso foi realizado o embasamento teórico para ser aplicado posteriormente em eventos da modalidade. O primeiro contato dos alunos foi durante o Campeonato Paulista de Canoagem Velocidade, contudo, agora o desafio é muito maior. Os nove alunos foram acompanhados pelas árbitras internacionais Christina Lentino Vanicek e Bruna Muassab durante o Campeonato Brasileiro de Canoagem Velocidade e avaliados em todos os procedimento do árbitros que ficam estrategicamente alocados em cinco pontos de arbitragem durante as provas: controle, largada, pesagem, chegada e percurso em botes.

Classificação Funcional na Paracanoagem
Em agosto deste ano foi realizado em São Paulo mais um curso de Classificação Funcional de Paracanoagem organizado pela CBCa, Comitê Paralímpico Brasileiro e Academia Paralímpica Brasileira com apoio do CEPEUSP.

No total são 10 classificadores em treinamento (6 classificadores técnicos e 4 classificadores médicos) para se tornarem classificadores regionais sob orientação de um classificador nacional ou internacional orientado pela CBCa. O objetivo principal é que tenham conhecimento para trabalhar individualmente no futuro e façam parte da renovação e evolução técnica por qual passa a classificação funcional no país.



Segundo Leonardo Maiola, supervisor do Comitê de Paracanoagem da CBCa, os alunos são avaliados com trabalhos teóricos e práticos aliados à tecnologia de ponta, tornando o Brasil uma referência mundial neste tipo de profissionalismo.

"Acredito que esta experiência inédita que eles têm aqui em São Paulo é fundamental para eles e para o crescimento da Paracanoagem Brasileira, o que reforça ainda mais nosso pioneirismo na modalidade", ressaltou Maiola que juntamente com a classificadora internacional Maria de Fátima Vara Fernandes, única do Brasil, são os responsáveis pela avaliação dos novos alunos.








Confederação Brasileira de Canoagem

Rua Monsenhor Celso, 231 - 6º andar - Centro - Curitiba - PR - CEP 80010-150
Telefone 41 3083 2600 - Fax 41 3083 2699
Apycom jQuery Menus