Confederação Brasileira de CanoagemItaipu Binacional

Notícias

Recorde em Cerquilho

07/06/2010

 

 

Planejamento estratégico realizado na Canoagem Slalom para Rio 2016 já começa a dar seus primeiros resultados.

A Canoagem Slalom brasileira mostra que o Planejamento Estratégico para o Rio 2016 está dando resultado mesmo antes da implantação oficial dos Projetos com o Selo de Qualidade onde a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) pretende quadruplicar a média de atletas dos últimos quatro anos, já para 2011.

 

A 3ª Etapa da Copa Brasil realizada no excelente Rio Sorocaba, na cidade de Cerquilho, nos dias 05 e 06 de maio, bateu todos os recordes na quantidade de participantes e de embarcações em todas as categorias oficiais. Ao todo foram 84 embarcações apenas na categoria iniciantes e 63 embarcações na categoria oficial.

 

Para o supervisor da modalidade de Canoagem Slalom da CBCa, Luiz Augusto Merkle, “além desse número sensacional de iniciantes, o que mais nos deixa otimistas com relação ao futuro dessa modalidade, é que em todas as categorias houve um acréscimo acentuado de embarcações, principalmente no feminino. Nos últimos quatro anos nós tivemos uma média de 5,25 atletas no K1 feminino. Apenas nessa prova de iniciantes contamos com 17 meninas”, comemorou.
 

O superintendente da CBCa, Argos Gonçalves Dias Rodrigues, destaca a importância da conquista dos Jogos Olímpicos de 2016 e de alguns núcleos no Brasil que realmente resolveram investir na modalidade: “A Canoagem Slalom do Brasil passou por épocas difíceis, porém, graças à conquista dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, alguns núcleos que já existiam e outros que ainda não conheciam a modalidade resolveram investir e os resultados já estão aparecendo.  Três Coroas, no Rio Grande do Sul, Piracicaba, Piraju e Brotas no Estado de São Paulo e Tibagi e Foz do Iguaçu, no Estado Paraná, são os principais centros da modalidade e compareceram com um número surpreendente de atletas iniciantes. Para o ano que vem será lançado o Selo de Qualidade da CBCa, e aí a realidade numérica desse esporte passará aos padrões das principais potências olímpicas”, informou.

 

O vencedor geral na categoria Sênior foi o atleta Rafael Ribeiro da Cruz, da Cidade de Brotas, com o tempo de 27,080 segundos, acompanhado de perto pelo atleta da mesma associação brotense Lucas Paulino da Silva, com o tempo de 27,340 segundos. Com a medalha de bronze na categoria sênior ficou Vagner Roberto da Silva, também de Brotas.

 

Os resultados gerais poderão ser encontrados no link abaixo: http://www.cbca.org.br/newcbca/evento/resultados/eventos_id/293

 

Iran Schleder
Comunicação CBCa
imprensa@cbca.org.br

 

Admin | Projeto Meninos do Lago | Desenvolvimento Carlos Henrique