Confederação Brasileira de CanoagemItaipu Binacional

Notícias

Instituto Meninos do Lago auxiliando nos Jogos Pan-americanos

02/08/2019

 

Não serão apenas 5 (cinco) atletas da Canoagem Slalom que representarão o Município de Foz do Iguaçu nos Jogos Pan-americanos em Lima. O Instituto Meninos do Lago investe também na formação de árbitros oficiais para o circuito nacional e internacional e, para felicidade da Professora Mayara Cordeiro e do ex ateta Wallison Diego de Carvalho, ambos foram convocados para estarem trabalhando em no rio Cañete, em Lunahuaná, entre 2 e 4 de agosto, local onde serão realizadas as competições desta modalidade.

 

Para Mayara Cordeiro, que é árbitra oficial devidamente aprovada pela Federação Internacional de Canoagem, o gosto de estar participando em Jogos é bastante diferente das competições internacionais pois envolve um sentimento nacionalista muito maior:

 

“Já participei dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e de várias outras competições internacionais dentro e fora do Brasil, porém quando se fala em JOGOS cria-se expectativa de toda Nação que começa a seguir e conhecer uma série de modalidades desportivas, inclusive a Canoagem Slalom. Nenhum campeonato mundial dessa disciplina olímpica produz tanto interesse midiático no Brasil como realizado em Jogos, de forma que se trata de grande oportunidade para os atletas e para o próprio esporte”.

 

 

Wallison Diego de Carvalho também relatou sobre as oportunidades geradas pela participação no Projeto Meninos do Lago.

 

“Quando entrei no Projeto Meninos do Lago, só conhecia o Paraguai e muito pouco do próprio Brasil. A canoagem me oportunizou, como atleta, conhecer várias cidades do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Mato Grosso e Rio de Janeiro. Isso contribuiu muito para a minha formação pessoal e depois que parei de remar, investi na oportunidade de ser árbitro internacional. Estudei inglês e o regulamento da Federação Internacional  necessários para a realização da prova de certificação, com isso já fui convocado para vários eventos em países diferentes, inclusive participei dos Jogos Olímpicos Rio 2016 e agora tendo a honra de estar nos Jogos de Lima. Serei eternamente grato ao Projeto Meninos do Lago e à patrocinadora Itaipu Binacional que, de uma forma ou outra, deu rumos à minha vida”.

 

 

Além dos árbitros ainda estão trabalhando como forerunners (abridores de pista) a jovem Poliana Sofia, na categoria C1F e o francês Mathieu Desnus, na categoria K1M, namorado da Ana Sátila, que agora está também representando o Instituto Meninos do Lago no Circuito Nacional.

 

Admin | Projeto Meninos do Lago | Desenvolvimento Carlos Henrique