Confederação Brasileira de CanoagemItaipu Binacional

Notícias

Ana Sátila garante um bronze e Pedro Gonçalves uma prata na Eslováquia

23/06/2019
Sátila no C1 Feminino e Pepe pelo Canoagem Slalom Extremo na disputa da 2ª Etapa da Copa do Mundo de Canoagem Slalom em Bratislava
O Brasil termina sua participação na 2ª Etapa da Copa do Mundo de Canoagem Slalom em Bratislava na Eslováquia com duas medalhas: Ana Sátila no C1 Feminino com um bronze e Pedro Gonçalves com uma prata no Canoagem Slalom Extremo. Sátila fez uma descida com duas penalidades, ela teve um toque na baliza 19 e também na 23 o que acresceu em quatro segundos ao seu tempo total e fechou a prova em 113.80 segundos. “Queria agradecer a todos pela torcida, pelo carinho, essa medalha não é só minha é de todos nós”, fala Sátila. O ouro ficou com a francesa Claire Jacquet e a prata com Monica Vilarrubia de Andorra.
Soma-se a essa medalha da brasileira mais três de bronze que ela já conquistou na canoa em Copas do Mundo. Ano passado vieram duas, um Augsburg na Alemanha na 1ª Etapa da Copa do Mundo e outro em Cracóvia na Polônia na 2ª Etapa. Em 2015 ela também tinha tido esse feito, durante a 1ª Etapa da Copa do Mundo disputada em Praga na República Tcheca. A categoria C1 Feminino entrará para o cronograma de provas dos Jogos Olímpicos em Tóquio 2020.

Além da canoa, Ana Sátila também competiu pelo K1 Feminino, prova disputada no sábado (23), ela garantiu vaga na semifinal, mas teve a penalidade máxima por não cruzar a baliza 18 e seu tempo final foi de 156.85 segundos o que a deixou em 22º lugar e fora da final.

Já Pedro Gonçalves levou a medalha de prata no Canoagem Slalom Extremo, ele manteve a segunda posição no percurso inteiro e ficou colocado no checo Vavrinec Hradilek que levou o ouro. “Eu vim de uns resultados ruins anteriormente, mas consegui dar a volta por cima, o brasileiro é casca grossa e conquista o que a gente quer. Essa é modalidade está cotada para ser olímpica e vai ser disputada nos Jogos Pan-americanos de Lima e vamos transformar essa prata em ouro na próxima”, fala Pepe. Além dessa prova o atleta competiu pelo K1 Masculino, mas ficou nas classificatórias.

Outros brasileiros tiveram bons resultados, Felipe Borges chegou na semifinal do C1 Masculino e na disputa fez o tempo de 127.47 segundos e garantiu a 24º posição. Mathieu Desnos disputou a semifinal do K1 Masculino e obteve o tempo de 96.48s o que o deixou na 22º posição. Agora os atletas se preparam para a 3ª Etapa da Copa do Mundo que vai acontecer em Tacen na Eslovênia na semana que vem entre os dias 28 a 30 de junho.

Equipe Brasileira na Europa

Ana Sátila
Felipe Borges
Mathieu Desnos
Pedro Gonçalves

Equipe Técnica
Cassio Ramon Petry
Ricardo Martins Taques
Admin | Projeto Meninos do Lago | Desenvolvimento Carlos Henrique