Confederação Brasileira de CanoagemItaipu Binacional

Notícias

Jovens do Meninos do Lago e Velejar é Preciso aprendem primeiros socorros

12/09/2017

Depois dos técnicos e professores, desta vez foram os alunos que receberam dicas e orientações sobre o tema, com foco em animais peçonhentos.

 

 

As divisões de Educação Ambiental (MAPE.CD) e de Iniciativas de Responsabilidade Social (RSIR.GB) promoveram, na terça-feira (5) e quarta-feira (6), uma palestra sobre primeiros socorros, cuidados com animais peçonhentos e acidentes de trânsito para as mais de 120 crianças e adolescentes que fazem parte dos projetos Meninos do Lago e Velejar é Preciso, apoiados pela Itaipu. A atividade aconteceu no auditório do Refúgio Biológico Bela Vista (RBV).

A palestra faz parte de um ciclo de atividades que vem sendo desenvolvido com a união de várias áreas, visando compartilhar conhecimentos com equipes parceiras. Cada área apresenta um tema que faz parte de seu dia a dia na Itaipu. Além dos jovens dos projetos, os técnicos e professores também receberam a capacitação, assim como os monitores do Complexo Turístico Itaipu (CTI) que trabalham no RBV.


Ademar Luiz Lenzi, da SEOC.AD, ressaltou que o atendimento inicial é necessário para qualquer tipo de acidente e pode salvar vidas.

Segundo o coordenador do Grupo de Bombeiros da binacional, da Divisão de Segurança da Central (SEOC.AD), Ademar Luiz Lenzi, no caso de acidentes com animais peçonhentos, o foco principal é na prevenção. Mas a palestra também mostrou aos alunos técnicas de como atuar caso surja algum caso. “É necessário que eles façam o tratamento inicial até a chegada de uma equipe especializada para fazer o atendimento.”

Lenzi lembrou que os acidentes com esse tipo de animal são causados pela invasão do espaço que eles habitam. Normalmente, não é irresponsabilidade. “Os animais atacam como instinto de defesa, por isso acontecem alguns acidentes.”


A união entre áreas, segundo Marcio Bortolini (RSIR.GB), facilita a divulgação de assuntos primordiais aplicados dentro da empresa.

Marcio Bortolini, da RSIR.GB, destacou a importância de capacitar os alunos dos projetos em todos os assuntos relacionados à empresa, visto que eles treinam dentro da Itaipu. “Se continuarmos trabalhando sozinhos, cada um vai conhecer só uma parte da usina, então é preciso falar sobre equidade de gênero, educação financeira e ambiental e tantos outros temas que temos em cada área.”


"A palestra atendeu a uma necessidade de falar sobre segurança para os alunos", disse Enzo Maschio Figueiredo, da MAPE.CD.

Enzo Maschio Figueiredo, da MAPE.CD, salientou a parceria com a RSIR.GB, que desde 2015 vem ofertando cursos e palestras ao atletas dos projetos. “Sempre procuramos trazer conteúdos que são de importância para nós e para a segurança deles, atendendo também a demanda dos próprios técnicos, que conhecem a realidade e sabem sobre o que é preciso falar.”

Como proceder

Alguns pontos são primordiais ao se deparar com algum caso de acidente com animais peçonhentos. Lenzi lembrou que entrar em contato com os órgãos de emergência, como corpo de bombeiros e equipe de atendimento pré-hospitalar, deve ser a primeira atitude ser tomada. Em seguida, é necessário isolar o acidentado e tentar identificar que tipo de animal o atacou - essa informação é muito importante, pois facilita no tratamento.


A palestra foi ministrada pelo bombeiro Márcio Rodrigo Marquetto, da Divisão de Segurança da Central (SEOC.AD).

 

 

Admin | Projeto Meninos do Lago | Desenvolvimento Carlos Henrique