Confederação Brasileira de CanoagemItaipu Binacional

Notícias

Brasil e Paraguai anunciam acordo para revelar novos talentos no esporte

25/11/2014

 

Fonte JIE Itaipu Binacional

 

16h28 - 25/11/2014

 

Encontro na sala de reuniões do Edifício de Produção, na Itaipu: apoio ao esporte.

   

Os ministros de Esportes do Brasil, Aldo Rebelo, e do Paraguai, Victor Pecci, anunciaram, nesta terça-feira (25), na usina hidrelétrica de Itaipu, em Foz do Iguaçu (PR), um conjunto de medidas para desenvolver atletas de alto rendimento e melhorar a participação dos dois países nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

     

O anúncio ocorre após dois dias de reuniões técnicas envolvendo representantes de confederações brasileiras e paraguaias em seis modalidades esportivas: tênis, natação, handebol, vôlei de praia, remo e canoagem.

     

Participaram da cerimônia o diretor-geral brasileiro da Itaipu, Jorge Samek, diretores de ambas as margens da binacional, dirigentes esportivos, representantes de confederações e atletas.

    

Aldo Rebelo e Victor Pecci com os atletas Pedro Henrique Gonçalves, o Pepê, e Ana Sátila.

     

De acordo com os ministros, a cooperação vai ocorrer em três níveis: projetos conjuntos desenvolvidos entre as próprias confederações esportivas; capacitação na área de medicina esportiva, com apoio da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp); e incentivo a publicações que valorizem o esporte e a integração.

    

Uma das propostas é possibilitar, por exemplo, que atletas paraguaios participem de competições esportivas no Brasil – e vice-versa. Estão previstos ainda apoio na aquisição de material e equipamentos e troca de experiência entre treinadores de ambos os países.

     

Também foi discutida a publicação de duas obras, que serão traduzidas e distribuídas nos dois países – um livro de crônicas de Gylberto Freire, de 1942, com relato de uma viagem a Assunção, e uma obra do jesuíta espanhol Bartolomeu Melià, antropólogo radicado no Paraguai e especialista na língua e na cultura dos povos guaranis.

     

Jorge Samek e Aldo Rebelo. "Itaipu é um empreendimento vitorioso", disse ministro.

     

“Espero que Itaipu consiga nos inspirar nesta cooperação com a mesma ousadia e a mesma determinação que colocaram de pé esse grande empreendimento vitorioso”, afirmou Rebelo.

      

Victor Pecci destacou que o Brasil já tem uma infraestrutura desenvolvida em diversas modalidades esportivas e conta com um grande rol de treinadores, que poderão ajudar na capacitação dos paraguaios.

     

“Para nós, essa parceria é muito importante. Necessitamos dessa experiência do Brasil para desenvolver o esporte no nosso país”, comentou o ministro, que foi tenista profissional, disputou uma final de Roland Garros (França), em 1979, e chegou a ser o nono no ranking da Associação de Tenistas Profissionais (ATP).

    

A canoísta Ana Paula Fernandes, entre os ministros do Brasil e do Paraguai: jovem talento.

      

Jorge Samek lembrou que a própria Itaipu, que em 2014 completou 40 anos, é resultado de um amplo esforço de integração. “Este prédio foi construído na fronteira entre os dois países. Várias questões importantes foram decididas nesta mesa. E tenho certeza de que será assim também com o esporte”, afirmou.

      

O diretor-geral também agradeceu o apoio do Ministério dos Esportes brasileiro para ajudar a cidade a desenvolver modalidades esportivas importantes, como a canoagem – a seleção brasileira treina no Canal Itaipu, dentro do complexo hidrelétrico, com o apoio da binacional e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

       

Itaipu também desenvolve no Canal Itaipu o projeto Meninos do Lago, que já revelou promessas como a jovem Ana Paula Fernandes, que tem dupla cidadania e hoje compete pelo Paraguai. Ana Paula participou da reunião e foi citada como exemplo do sucesso do programa da binacional.

     

Ministro Aldo Rebelo planta uma muda de pitanga no Centro de Recepção de Visitantes.

     

Outro projeto desenvolvido com apoio do Ministério dos Esportes é a construção do Centro de Treinamento de Futebol Feminino em Foz do Iguaçu.

      

Antes da reunião, os ministros assistiram ao vídeo institucional da Itaipu e plantaram duas árvores no Centro de Recepção de Visitantes (CRV). Depois, visitaram o Canal Itaipu, onde se encontraram com canoístas, como a atleta olímpica Ana Satíla e Pedro Henrique Gonçalves, o Pepê. Os ministros também conheceram o Parque Tecnológico Itaipu (PTI).

Admin | Projeto Meninos do Lago | Desenvolvimento Carlos Henrique