Confederação Brasileira de CanoagemItaipu Binacional

Notícias

Mais uma vez campeão

13/05/2014

 


O Instituto Meninos do Lago cada vez mais solidifica sua condição de principal escola de Canoagem Slalom do País. Não bastasse ter vencido o Ranking Nacional da primeira e segunda divisão nos últimos três anos, já iniciou 2014 com a primeira vitória na Copa Brasil de Canoagem Slalom acontecida nos dias 09 a 11 de maio, na Cidade de Tomazina, Estado do Paraná.

 

Para a Professora Mayara Cordeiro Lapczyk os resultados desportivos alcançados pelo IMEL realmente têm sido destaques no cenário desportivo nacional e até mesmo internacional, porém existe a necessidade de melhorias em outros valores previstos no Projeto, como a Educação, por exemplo, considerada tão ou mais importante que as próprias medalhas:

 

“Em nosso projeto social/desportivo sempre deixamos bem claro para todos os atletas e pais, que o esporte da canoagem é apenas uma ferramenta que poderá auxiliar na questão educacional e social dos participantes. Para todos os envolvidos sempre esclarecemos que o futuro financeiro e a própria felicidade estarão diretamente ligados com o compromisso estudantil e educacional de nossos atletas e não propriamente com a canoagem”.

 

A Professora complementa esclarecendo que:

 

“Lógico que para nós é importante conseguirmos encontrar e lapidar talentos desportivos, mas isso somente terá sentido se esse talento campeão conseguir chegar ao local mais alto do pódio carregando com ele os principais valores expostos em nosso projeto e com isso poder servir de exemplo para os mais jovens. Vários campeões nacionais do IMEL se esqueceram de comprometerem-se  também com os estudos e, por esse motivo, estão fora do Projeto. Isso é muito ruim e traduz-se em perda de tempo para todos”.

 

O Projeto Meninos do Lago encontrou na “educação” o principal valor a ser trabalhado. Educação não só no sentido escolar, mas também no convívio habitual. No Projeto, a falta de respeito com os pais, com os professores, com as instituições, com os colegas, com os árbitros e etc, significa também o descompromisso educacional. Ser atleta do IMEL tem que significar o gosto pelo bom comportamento e buscar sempre uma conduta social desportiva que se encaixe dentro do espírito do olimpismo.

 

“Hoje temos uma pedagoga que acompanha os nossos atletas nas tarefas diárias, principalmente aqueles que estão com notas vermelhas. Até hoje não conseguimos zerar as repetências de ano, embora tenhamos melhorado muito o índice de 2010 até 2013. Os nossos principais atletas, menores de 18 anos, estão cientes que o desempenho deles na escola é que assegurará o suporte para continuidade no Projeto e não o número de medalhas conquistadas” – relatou o treinador Angel Sanches.

 

O presidente da Federação Paranaense de Canoagem, Valdecir Fernandes da Cruz relata que para a Itaipu Binacional o mais importante é conseguir que os atletas da Vila C e Bairro Morumbi, consigam oportunidades que dificilmente teriam fora de projetos, como o “Meninos do Lago”:

 

“Estando no Projeto os atletas recebem equipamentos e estruturas para se destacarem no cenário nacional e até mesmo internacional. Isso hoje está comprovado através do ranking nacional e dos resultados sul e pan-americanos. Vários de nossos atletas recebem Bolsa Atleta do Governo Federal ou TOP 2016 do Governo Estadual, auxiliando a renda familiar. A Itaipu Binacional ensina-os a pescar, oferece a eles a vara e a própria isca, porém o peixe a ser servido nas suas refeições é de responsabilidade deles próprios apanhar. Ou seja, é o comprometimento com os objetivos desportivos e sociais que definirá o sucesso de cada um dentro do Projeto”.

 

Admin | Projeto Meninos do Lago | Desenvolvimento Carlos Henrique