Confederação Brasileira de CanoagemItaipu Binacional

Notícias

Meninos do Lago atuando no Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

19/05/2011

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mobilização com caminhoneiros encerra atividades do dia 18 de maio
20/05/2011 | 11h51  -  fonte JIE - Itaipu Binacional
 

Uma mobilização com caminhoneiros, realizada nesta quinta-feira (19), na Estação Aduaneira do Interior (Eadi), encerrou as atividades alusivas ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes na fronteira.
     

Os adolescentes chegaram preparados para a distribuição.
      
Acompanhados das polícias Civil e Federal, os adolescentes atendidos pelo Programa de Proteção à Criança e ao Adolescente (PPCA) da Itaipu abordaram os motoristas para entregar material informativo da campanha “Faça Bonito – Proteja nossas crianças e adolescentes”, instituída pela Secretaria Nacional dos Direitos Humanos.
     

Todos os caminhoneiros recebiam o material...
        
O objetivo foi incentivar a denúncia, por meio do Disque 100, e chamar a atenção deste público para a importância de preservar os direitos das meninas e meninos. “Todos os cidadãos devem saber que se relacionar sexualmente com crianças é crime. Viemos trazer a mensagem de que a Polícia está atenta”, afirmou o delegado da PF, Reginaldo Gallan Batista.
     

...e elogiavam a iniciativa.
      
O motorista paraguaio Isac Monjes parabenizou a iniciativa. “Sabemos que existem casos de abuso e exploração de menores nas estradas. Esta ação com certeza mostrará aos caminhoneiros que, mesmo sem saber, podem estar cometendo crimes”, disse.
    
A investigadora do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria), Viviane Schemmer, lembrou que muitos casos de exploração ocorrem justamente por falta de informação. “Após campanhas como essa, o número de denúncias aumenta”, explicou. Outro dado é a quantidade de pessoas que procuram o Núcleo interessadas em obter dados. “Alguns dizem que veem alguns casos, mas não têm certeza se é ou não crime”.
     

Criviam de Siqueira acompanhou a atividade.
      
Criviam Paiva de Siqueira, coordenadora das atividades pela Itaipu, relembrou que a conscientização e a denúncia não podem ser restringidas apenas a esses dias, mas devem ser um hábito diário. “O 18 de Maio é apenas uma data, mas precisamos estar atentos ao problema todos os dias”, completou. 

Admin | Projeto Meninos do Lago | Desenvolvimento Carlos Henrique