Confederação Brasileira de CanoagemItaipu Binacional

CAIAQUE POLO -> História

 

ORIGEM DO CAIAQUE POLO


     Um dos maiores incentivadores e estudiosos do Caiaque Polo do mundo, o australiano Ian Beasley, em sua obra CANOE POLO, edição de 2008, relata o surgimento desse esporte no cenário internacional, na forma descrita abaixo.


     “As primeiras revistas britânicas registram que uma variedade de jogos de canoa com bola foram realizados na Grã-Bretanha no final do século XIX. Em 1875, a revista inglesa Punch or the London Charivarl, apresentava uma gravura que retratava jogadores em pé em barcos duplos competindo por uma bola com longas pás duplas. Em 1880, The Graphic, também de Londres, mostra jogadores na Escócia sentados em grandes barris de madeira que continham a cabeça e a cauda de um cavalo. Em 1884, The Graphic ilustrou remadores em canoas cobertas jogando pólo aquático com pás de lâmina dupla. Esses jogos, com muitas risadas e muitos tombos, não podem ser considerados ligação direta com o esporte moderno, eram simplesmente diversões na água.



 


 

     Mas os jogos de canoa jogados na Alemanha e na França durante a década de 1920 fornecem um link direto. Em 1926, a Federação Alemã de Canoa introduziu o "kanupolo" como uma forma de atrair novos membros, bem como incentivar a camaradagem e contribuir para as finanças da federação. O foco era desenvolver o interesse em remar em rios e na água branca, não no desenvolvimento de um esporte competitivo. Os jogos tinham grandes áreas de jogo; alguns tinham até 120 m de comprimento por 90 m de largura. Os gols eram de 4 m de largura por 1,5 m de altura e flutuavam sobre a água. As equipes tinham 11 jogadores e os caiaques tinham mais de quatro metros de comprimento. Um jogo foi jogado em duas metades de 45 minutos cada. Em 1930, uma competição kanupolo foi estabelecida com um corpo dirigente, treinadores e foram publicadas regras de jogo.


     O Canoe Club da França introduziu jogos de canoa em um festival em 1929. A área de jogo tinha 60-100 m de comprimento pela largura do rio. Os gols estavam na água e as equipes eram compostas por 3, 4 ou 5 barcos. Em 1935, um grupo de remadores preparou diretrizes para um jogo de "canoa bola" a ser jogado em festivais - seu objetivo principal era variar o treinamento e testar habilidades. Em 1943, as regras de jogo foram adotadas, os grandes campos de jogo foram reduzidos a 80 m x 35 m, os caiaques substituíram canoas e canoa com bola se tornou "caiaque bola".


     O caiaque polo foi jogado na Grã-Bretanha na década de 1950, embora não esteja claro que forma tomou ou como se desenvolveu. Oliver Cock foi um dos primeiros protagonistas e em 1960 referiu-se a um jogo jogado em barcos de lona em um lago no norte do País de Gales. Um jogo diferente foi jogado na Austrália. De 1952 até a década de 1970 eles tocaram em canoas de turismo com dois jogadores para cada barco. O jogador de proa jogava a bola enquanto o jogador de popa controlava o barco.


     Independentemente desses esportes, o Distrito de Newham, em Londres, em 1966, pediu a Bert Keeble, da National Schools Sailing Association, para projetar um caiaque para ensinar em piscinas de natação. Muitas piscinas foram construídas em escolas na década de 60 e usadas para ensinar às crianças habilidades básicas de remada e rolamento. Os jogos de bola faziam parte dessas sessões e proporcionavam uma maneira divertida e prática de aplicar as habilidades recém-aprendidas. As piscinas eram pequenas, 1O m x 25 m, por isso foi necessário um caiaque pequeno para fazer o melhor uso do espaço disponível. O novo caiaque foi feito de madeira; era curto e tinha as ponteiras arredondadas (proa e popa) para evitar danos à piscina. Mais tarde, Alan Byde, um treinador sênior da British Canoe Union (BCU), construiu um barco semelhante a partir de plástico reforçado. Ele chamou seu barco de Baths Advanced Trainer (BAT}.


     Em seguida ao que se desenvolveu através das escolas de natação, acabou apresentando o caiaque polo como esporte de demonstração no International Boat Show no Crystal Palace London em 1970. Chamou a atenção a imaginação, tanto que o Campeonato Nacional de Caiaque Polo foi realizado na Exposição Nacional de Canoa no ano seguinte. Estes se tornaram um evento regular e ao longo de vários anos introduziu a versão em inglês do caiaque polo para outros países. No final da década de 1970, Inglaterra, Alemanha, França, Finlândia, Suécia, Austrália, Holanda e Espanha jogaram em formato de caiaque polo.


     Oliver Cock, técnico nacional da BCU, havia escrito as regras para os jogos do Crystal Palace que pediam 1 m x 1 m de gols suspensos 2 m acima da água e, entre outros requisitos, proibiam jogar bola com o remo. As regras foram usadas no Campeonato Nacional Inglês em 1971, mas um time escolar (idade média de 16 anos) que perdeu a grande final foi prejudicada, porque além da arbitragem inconsistente, a regra do remo não foi consistentemente aplicada e efetivamente penalizou seu estilo de jogo. A equipe reclamou com a BCU e, em resposta, o Comitê de Polo de Canoa da BCU foi formado com um resumo inicial para preparar um conjunto consistente de regras.


     O esporte estava tomando forma. Em 1972, a BCU mudou-se para introduzir as regras a outros países, mas encontrou considerável oposição. Posteriormente, dois jogos bastante diferentes persistiram com os torcedores de cada um defendendo apaixonadamente sua abordagem favorecida. Inglaterra, França e Austrália favoreceram o formato BCU de uma área de jogo pequeno, 20-30 m de comprimento, 1 m x 1 m gols x 2 m acima da água, e somente mãos para jogar a bola. Alemanha, Itália e Holanda preferiram a grande área de jogo, gols na água e usando o remo para controlar a bola. A Alemanha continuou jogando nas grandes áreas de jogo até 1990.


     Federação Internacional de Canoas (ICF) publicou uma nova versão das regras, também após intenso argumento, em 1986 que favoreceu o estilo inglês/francês/australiano. A primeira demonstração destes foi no World Sprint Titles em Duisberg, Alemanha, em 1987. O esporte do caiaque polo era agora oficial. é jogado no campo pequeno, com objetivos elevados; a bola pode ser controlada com a mão ou remo e o polo BAT é o barco designado. As Regras da ICF foram finalizadas em 1990 com uma área de jogo de 30 m x 20 m (mais tarde revisada para 35 m x 23 m); metas 1,5 m de largura x 1 m de altura x 2 m acima da água; e tempo de jogo de duas metades de 10 minutos.


     O campeonato mundial inaugural de Caiaque Polo da ICF, realizado em Sheffield, Inglaterra, em 1994, apresentou o esporte com 18 países representados. Foram 18 equipes masculinas e 6 femininas. Os países concorrentes e sua última colocação foram, para os homens: 1 Austrália, 2 Alemanha, 3 Grã-Bretanha, 4 Países Baixos, 5 França, 6 Bélgica, 7 Irlanda, 8 Hungria, 9 Itália, 10 Nova Zelândia, 11 Taipei chinês, 12 África do Sul, 13 Finlândia, 14 Áustria, 15 Japão, 16 Brasil, 17 Portugal e 18 Canadá. E para as mulheres: 1 Austrália, 2 Grã-Bretanha, 3 França, 4 Alemanha, 5 Nova Zelândia e 6 Irlanda. Os campeonatos subsequentes foram sediados por Austrália (1996), Portugal (1998), Brasil (2000), Alemanha (2002), Japão (2004) e Holanda (2006).


     O Campeonato Mundial de 2008 será realizado em Edmonton, Canadá, e em 2010, em Milão, na Itália. Um novo marco foi alcançado em 2005, quando o Caiaque Polo retornou a Duisberg para entrar nos Jogos Mundiais multiesportivos de 2005.


     Jogos com bola realizados em caiaques existem na Grã-Bretanha desde o final do século XIX e estendeu-se para os Estados Unidos da América e partes da Europa na primeira metade do século XX. Um campeonato nacional foi realizado pela primeira vez na Inglaterra em 1971, mas somente em 1986 a Federação Internacional de Canoagem (ICF) publicou seu primeiro conjunto de regras para a disciplina. No ano seguinte, o Caiaque Polo foi demonstrado no campeonato mundial de canoagem velocidade em Duisburg, Alemanha, e em 1990 a ICF finalizou suas regras internacionais.


    O primeiro campeonato mundial ocorreu em Sheffield, Inglaterra, em 1994, onde participaram 18 equipes masculinas e seis femininas. A Austrália venceu a Alemanha na final de ambos os sexos. Atualmente o evento é realizado a cada dois anos e na edição de 2016 em Siracusa, na Itália, contou com 24 equipes masculinas e 20 equipes femininas, além de eventos sub-21 para ambos os sexos.


     Desde que a Austrália conquistou os três primeiros títulos mundiais masculinos e dois dos três primeiros eventos femininos, o campeonato mundial foi dominado pelos Europeus. Os últimos títulos mundiais masculinos e femininos foram conquistados pelos europeus”.


ORIGEM DO CAIAQUE POLO NO BRASIL


     O grande incentivador e responsável pela inserção da modalidade no Brasil foi o paulista, engenheiro naval, Ennio H Robba, o qual juntamente ao gaúcho e Presidente da Confederação Brasileira de Canoagem, João Tomasini Schwertner, conseguiram inserir no Festival Olímpico de Verão, Edição de 1995, organizado pelo Comitê Olímpico Brasileiro, a modalidade de Caiaque Polo que aconteceu em uma piscina montada para a natação na praia de Copacabana, na Cidade do Rio de Janeiro. O vencedor da competição foi Portugal que venceu a Itália por 5 x 2. O Brasil acabou ficando com o terceiro lugar ao derrotar a Argentina por 3 x 1.


     Sem dúvida, este foi o evento que alavancou o surgimento de clubes brasileiros, principalmente nos estados de São Paulo, Paraná e Santa Catarina, os quais tiveram a oportunidade de conhecer a modalidade em alto rendimento. Atletas que representaram o Brasil naquela oportunidade foram Massimo Desiatti, Sergio Robeiro, Marcelo Robba entre outros.


     Um ano antes (1994), porém, Ennio Robba já comandava a incipiente Seleção Brasileira na participação do primeiro mundial da história, em Sheffield, na Inglaterra. Neste evento o Brasil foi representado pelos atletas Leonardo Selbach, Gustavo Selbach, Massimo Desiatti, Sergio Ribeiro, Ennio Robba, Roger Eckhard e acabaram ficando em 16º Lugar. Jogaram contra Austrália, Canadá, Japão e Bélgica 


     Em maio de 1996, na Cidade catarinense de Gaspar, aconteceu a 1ª etapa da Copa Sul de Caiaque Polo, onde o Iate Clube de Londrina acabou vencendo o time da Malharia Camila, de Blumenau, por 4 x 2. Participaram também deste evento os times: Crocodilo Gangue, de Benedito Novo, que acabou ficando com a terceira colocação, Camila II e Kentucke. O artilheiro dessa competição foi o blumenauense James Bonetti, com 12 gols.


     Em fevereiro de 1999, com apoio da Empresa VETROTEX, a Confederação Brasileira de Canoagem começou a produzir caiaques e distribuir para os Clubes brasileiros onde acabou acontecendo a primeira Copa Brasil de Caiaque Polo, na Cidade de Blumenau, Santa Catarina, com a participação de 16 (dezesseis) times masculinos seniores, 3 (três) times juniores masculino e 2 (dois) times femininos. Venceram esse evento o Iate Clube de Londrina (sênior), PM de São Paulo (júnior) e São Pólo (feminino).


     No ano de 2000 o Brasil sediou o Campeonato Mundial de Caiaque Pólo, na piscina do conjunto esportivo do Ibirapuera em São Paulo-SP. O evento foi um sucesso de organização e teve 20 países participantes, ficando o Brasil em 9º lugar a melhor classificação até hoje na história. Estiveram presentes os atletas: Ciro, Rodolfo, João, Eduardo, Rafael, Diniz, Fernando e outros


     No Continente Americano não existem muitas escolas de Caiaque Polo e o Brasil tem dominado desde o início, muito embora tenha havido evolução de nações como a Argentina e os próprios Estados Unidos que acabou vencendo o último Campeonato Pan-americano sediado no Brasil, no ano de 2019.


     Ennio foi diretor e treinador da seleção de caiaque-polo da CBCa de 1994 e 2008 e, para ele, falta de divulgação e patrocínio são os principais fatores que travam o crescimento da modalidade no País.

 

 

 

 

Admin | Projeto Meninos do Lago | Desenvolvimento Carlos Henrique