Notícia
04/12/2018 09:07
Percurso de 20km e condições climáticas desafiadoras, em Ilhabela, exigiram muito esforço para a conquista do título brasileiro da Oceânica 2018
Evento contou com a participação de aproximadamente 100 atletas.

www.sestaro.com.br


No final de semana dos dias 01 e 02 de dezembro, cerca de 100 atletas iniciaram as disputas pelo título brasileiro da Canoagem Oceânica 2018. A sexta feira anoiteceu com forte chuva na região, gerando certa incerteza de como seriam as condições encontradas no mar.
 
O sábado amanheceu calmo porém ao longo do dia o vento começou a aparecer e animar os participantes da categoria individual, que às 13h iniciaram o percurso de 20km, largando embarcados na praia da Escola de Vela Lars Grael, seguindo rumo à primeira boia de contorno no meio do canal (sentido São Sebastião), depois rumaram ao norte da ilha, buscando a boia que servia como meio da prova, e que estava na ponta das canas.
Retornando à primeira boia que estava no meio do canal, a disputa finalizou novamente na Escola de Vela Lars Grael. A primeira embarcação a cruzar a linha de chegada foi a de Luiz Wagner Pecoraro, atleta da Marinha do Brasil, com o tempo de 1h46m46s. Na sequência, completaram o pódio, o atleta olímpico Sebastian Cuattrin e José Marcos Mendes Filho.
 
No feminino, Rafaela Nascimento, também atleta da Marinha do Brasil, sagrou-se campeã feminina individual, seguida por Mariana Muriel Falconi e Thais Lopes de Araújo.
 
No domingo, as disputas foram das duplas e o cenário muito parecido com o de sábado, que foi favorável para grandes disputas de posições na água. Após 1h39m29s a dupla Luiz Wagner Pecoraro e Alexandre Felipe do Nascimento cruzou a linha de chegada sendo os campeões 2018. Na sequência chegaram as duplas Hiel Gesã Peres de Queiroz e Mayko Lucena Assipal, e Thiago Vinicius Carvalho e José Marcos Mendes Filho.
 
No feminino, a dupla brasiliense Fernanda Rachid e Thais Lopes foram as campeãs, seguidas pelas duplas Rayssa Correa e Viviane Vaz, e Larissa Oliveira e Rafaela Nascimento. Já nas duplas mistas, Maria Elienai e Winderson Patrick foram os grandes campeões.
A classe Estreante (prova de incentivo para bases) ocorreu durante a prova das duplas e Bruna Oliveira Libório foi a grande campeã.
 
No resultado por equipes, a ACOAR (Associação de Canoagem Oceânica de Angra dos Reis) foi a equipe campeã com 1911,5 pontos, seguida de perto pela ACKC (Brasília) com 1762 pontos e ATR (Turma do Remo) com 1616 pontos.
 
O evento contou com a organização e apoio da Prefeitura Municipal de Ilhabela, Turma do Remo de Ilhabela, ACALINO – Associação de Canoagem do Litoral Norte e CBCa – Confederação Brasileira de Canoagem.

Governo do ParanáSaneparJMaluceliBolsa AtletaComitê Olímpico Brasileiro Comitê Paralímpico Brasileiro International Canoe Federation Pan American Canoe Federation Confederacion Suramericana de Canotaje Banco Nacional do Desenvolvimento Lei de Incentivo ao Esporte GE Itaipu Binacional Governo Federal
Confederação Brasileira de Canoagem

Rua Monsenhor Celso, 231 - 6º andar - Centro - Curitiba - PR - CEP 80010-150
Telefone 41 3083 2600 - Fax 41 3083 2699
Apycom jQuery Menus BNDES Facebook Flickr Youtube