Notícia
11/10/2017 01:10
Para fechar o ano de conquistas, Brasil vai em busca do título do Pan-Americano
Atletas das categorias Júnior e Sênior buscam medalhas no Equador para fechar o calendário anual na Canoagem Velocidade e Paracanoagem

A equipe brasileira de Paracanoagem e Canoagem Velocidade Junior e Sênior está pronta para a disputa da última competição do ano: o Campeonato Pan-Americano 2017 que será realizado a partir de amanhã no Equador. Com uma delegação composta por 29 atletas o Brasil vai buscar mais um título, na lagoa de Yahuarcocha, na cidade de Ibarra, entre os dias 12 e 15 de outubro, em competição que envolverá mais de 350 atletas de 20 países do continente.
 
O evento será disputado no caiaque, com as embarcações K1, K2 e K4, e na canoa no C1 e C2, nas distâncias de 200, 500 e 1.000 metros. Apenas o K4 será só nos 200 e 500 metros na Canoagem Velocidade e nos 200 metros na Paracanoagem. Para o supervisor da Canoagem Velocidade na Confederação Brasileira de Canoagem, Alvaro Koslowski, a competição ficou em uma data em que a temporada já encerrou  “Este evento ficou entre o final e começo da próxima temporada, numa data não muito propicia para equipe estar numa boa preparação, por isso não podemos ter certeza de resultados, mas temos certeza que os atletas darão o seu melhor em cada prova”, analisou Alvaro.
 
O Brasil já tem um histórico positivo na competição, sempre ficando entre as primeiras colocações entre os países participantes. Só no último ciclo olímpico os atletas brasileiros conquistaram 46 medalhas em campeonatos pan-americanos, sendo 20 delas na última edição no ano passado, nos Estados Unidos. 
 
Para atleta Bruna Rodrigues, que na última edição conquistou três medalhas de ouro o objetivo é alcançar o máximo novamente. “Estou focada e vou dar o meu melhor para buscar o melhor resultado, não estou no auge da minha preparação, mas vou com tudo para conseguir bons resultados e manter nos títulos”.
 
Já o supervisor de Paracanoagem da CBCa, Leonardo Maiola, destaca a integração entre os atletas veteranos da Paracanoagem com os novos atletas que recém chegaram à seleção. "Estamos buscado mesclar canoístas e assim fortalecer a nova geração frente ao novo ciclo paralímpico", disse. 
 
As disputas das provas serão divididas por distancia, no primeiro dia serão realizadas as disputas dos 1000m, e nos dias seguintes os 500m e os 200m respectivamente.
 
 
Equipe
 
Caiaque
Matheus Moia
Vitor Navarro
Marcos Scolaro
Patrick da Luz
Silvia Portela
Vagner Souta
Gilmar Junior
Airton Teixeira
Pedro da Costa
Bruna Rodrigues
Cinara Barbosa
Lacy Bianchi
Mariane da Silva
 
Canoa
Sávio Vieira
Helton Silva
Tânia Paixão
Diego Fontes
Jack Goodmann
Maicon Santos
Valdenice Nascimento
Andrea Oliveira
Angela Silva
 
Paracanoagem
Luis Carlos Cardoso
Igor Tofalini
Alex Pessoa
Giovane Vieira de Paulo
Brenda Fernandes de Almeida
Deborah Benevides
Mari Christina Santilli

Governo do ParanáSaneparJMaluceliBolsa AtletaComitê Olímpico Brasileiro Comitê Paralímpico Brasileiro International Canoe Federation Internation Rafting Federation Pan American Canoe Federation Confederacion Suramericana de Canotaje Banco Nacional do Desenvolvimento Lei de Incentivo ao Esporte GE Itaipu Binacional Governo Federal
Confederação Brasileira de Canoagem

Rua Monsenhor Celso, 231 - 6º andar - Centro - Curitiba - PR - CEP 80010-150
Telefone 41 3083 2600 - Fax 41 3083 2699
Apycom jQuery Menus BNDES Facebook Flickr Youtube Google +