Notícia
07/08/2022 06:08
Isaquias sobe mais uma vez no pódio e conquista a prata
O canoísta garante a medalha de prata no C1 1000 metros. No sábado (06), também ganhou um ouro pela canoa individual na distância dos 500m. Erlon e Filipe ficam em 5º no C1 1000m

Fotos: Fábio Canhete - CBCa


O Brasil volta pra casa com duas medalhas conquistadas pela Canoagem Velocidade no Mundial realizado em Halifax no Canadá. Ambas vieram de Isaquias Queiroz com um ouro no C1 500 metros no sábado (06) e uma prata no C1 1000 metros na prova que aconteceu neste domingo (07). Erlon de Souza e Filipe Vieira Santana foram na final do C2 1000 metros e ficaram na quinta colocação. O Brasil acaba sua participação no Canadá na 10º colocação geral.
 
No sábado (06), completou um ano da sua última conquista olímpica no C1 1000 metros que aconteceu na raia Sea Forest em Tóquio no Japão. Isaquias entrava na época para a história com a medalha de ouro olímpica inédita. Já agora em Halifax no Canadá ele sobe novamente no pódio e trás uma medalha de prata, seu tempo foi de 4:14.80s.  Ele chega a 16 medalhas em campeonatos mundiais sendo duas no Mundial Júnior e 14 em edições do Mundial Sênior.
 
“Foi uma prova bem difícil, tinha muito vento. Eu saí um pouco atrás e depois me recuperei, eu sabia que dava para tirar uma medalha de alguém. Faltando 200 metros ali eu fui subindo, subindo e consegui. Falei o “Pinda”(treinador Lauro de Souza Júnior) vai pirar se eu ficar fora desse pódio. Agora a preparação é pensar no período pré-olímpico”, fala. O primeiro lugar ficou com o romeno Catalin Chirila (4:14.28s), o bronze ficou com tcheco Martin Fuksa (4:16.21s).
 
Ontem ele já tinha subido no pódio quando dominou a prova do C1 500 metros e conquistou a medalha de ouro. Na final do C2 1000 metros, Erlon de Souza e Filipe Santana Vieira lutaram bastante na água, a dupla conseguiu fazer o tempo de 13.33 segundos e ficaram na 5ª colocação, eles também disputaram a distância dos 500 metros e foram para a Final B onde terminaram na segunda colocação.
 
 
“Eu já estava com saudade desse clima de decisão, hoje tinha muito vento, ficamos em 5º lugar pelos 1000 metros, estou satisfeito e acredito que estamos no caminho certo, vamos melhorar ainda mais, mas valeu a experiência”, diz Erlon.
 
“Foi uma participação boa, ver como é o nível mundial, foi uma prova dura cansativa e não desistimos até o final”, completa Filipe que ainda remou a última prova do evento no C1 5000 metros mas não subiu no pódio.
 
Agora as atenções da Equipe Brasileira serão para o Campeonato Pan-americano de Canoagem Velocidade e Paracanoagem que vai acontecer no mesmo local em Halifax no Canadá na Lagoa Banook, a disputa começa na quarta-feira (10) e vai até a sexta-feira (12).
 
 
 









Confederação Brasileira de Canoagem

Rua Monsenhor Celso, 231 - 6º andar - Centro - Curitiba - PR - CEP 80010-150
Telefone 41 3083 2600 - Fax 41 3083 2699
Apycom jQuery Menus