Notícia
14/06/2022 06:06
COB anuncia programa Conexão Santiago
Cerca de 40 atletas, de 15 a 24 anos, receberão suporte da entidade até os Jogos Pan-americanos de Santiago 2023

Foto: COB


O Comitê Olímpico do Brasil (COB) anunciou nesta sexta-feira, 10, seu mais novo programa esportivo: o Conexão Santiago. Com a iniciativa, a entidade vai oferecer suporte especial para cerca de 40 jovens atletas de 17 modalidades, classificados para os Jogos Pan-americanos Santiago 2023, por meio do Pan Júnior de Cali 2021, além das bolsistas do programa de atletas da Solidariedade Olímpica. Nomes como Stephanie Balduccini (Natação); Erik Felipe (Atletismo); Giulia Takahashi (Tênis de Mesa); Gabriel Falcão (Judô), Miguel Hidalgo (Triatlo) e Sandy Macedo (Taekwondo) estão entre os contemplados no programa.
 
O objetivo do programa é potencializar os resultados dos jovens atletas visando aos Jogos Pan-americanos de Santiago 2023, proporcionando suporte adequado durante a preparação, fortalecendo, além disso, os atletas desse grupo com perspectivas de qualificação para os Jogos Olímpicos Paris 2024.
 
“O COB tem total atenção com os diversos aspectos que compõem o sistema de desenvolvimento esportivo, com perspectivas a médio e longo prazos. Garantir o padrão de excelência e as melhores condições aos nossos jovens atletas são fatores fundamentais para que o Brasil siga aprimorando suas delegações nas principais competições do calendário internacional”, afirmou o presidente do COB Paulo Wanderley.
 
O Conexão Santiago é uma iniciativa da área de Desenvolvimento Esportivo do COB, idealizada de forma integrada com a área de Alto Rendimento. Os atletas selecionados vão receber suporte de uma equipe interdisciplinar, passar por avaliações no Laboratório Olímpico, além de contar com a estrutura do Centro de Treinamento em sua preparação. Também estão previstos estágios para treinos e competições no Brasil e/ou exterior e atividades para o desenvolvimento global desses jovens, com o intuito de prepará-los para a melhor gestão de suas carreiras, por exemplo.
 
“O atleta enfrenta muitos desafios ao longo da carreira esportiva, e um deles é o processo de transição da classe júnior para a classe adulta que é caracterizado por muitas mudanças em sua vida, dentro e fora do contexto esportivo. Com esse programa o COB propõe olhar com atenção para essa fase, proporcionando o suporte necessário para que atletas jovens, os quais se destacaram nas categorias de base, atinjam o seu máximo potencial também na categoria principal. Acreditamos que com planejamento específico, focado nas necessidades individuais, é possível alcançar grandes resultados”, disse o diretor de Desenvolvimento Esportivo do COB, Kenji Saito.









Confederação Brasileira de Canoagem

Rua Monsenhor Celso, 231 - 6º andar - Centro - Curitiba - PR - CEP 80010-150
Telefone 41 3083 2600 - Fax 41 3083 2699
Apycom jQuery Menus