Notícia
29/09/2017 01:09
Ana Sátila conquista bronze inédito para o Brasil
A atleta ganhou a medalha do C1 Feminino no Mundial de Canoagem Slalom em Pau na França

Pódio inédito para o Brasil no 4º dia de provas do Campeonato Mundial de Canoagem Slalom, que está sendo realizado na cidade francesa de Pau. Ana Sátila se tornou a primeira atleta do Brasil a subir ao pódio de um mundial Sênior de Canoagem Slalom, ela garantiu a medalha de bronze no C1 Feminino. A brasileira ainda compete no K1 Feminino e no K1 Extremo. Além dela Pedro Gonçalves também competiu na manhã desta sexta-feira (29), pelo K1 Masculino.
 
Ana Sátila teve um dia que ficará marcado na história da Canoagem Brasileira. Ela entrou na água duas vezes, a primeira na semifinal do C1 Feminino, quando ela se classificou para a grande final na 7ª colocação com o tempo de 119.21 segundos, apenas 4.77 segundos atrás da líder das semifinais, a australiana Jessica Fox. Sátila teve três toques em sua descida, o que adicionou seis segundos ao seu tempo final, caso tivesse feito uma descida limpa a brasileira seria a atleta mais rápida da prova.
 
Pouco mais de quatro horas depois a brasileira entrou na água novamente, dessa vez brigando por uma medalha inédita para o Brasil. Ela foi a quarta atleta a descer as corredeiras do Pau Pyrénées Whitewater Centre e não decepcionou. Ela desceu os 230 metros da pista com apenas um toque na penúltima baliza e terminou o percurso com o tempo de 114.29 segundos, o que lhe garantiu provisoriamente a segunda colocação. Ana Sátila então ficou na torcida enquanto outras seis atletas faziam a sua descida e sofreu enquanto uma a uma as adversárias terminavam sua participação com um tempo superior ao da brasileira. A penúltima atleta a competir foi a tcheca Tereza Fiserova, ela fez uma descida limpa e terminou o percurso em 113.21 segundos, jogando a brasileira para a terceira posição. A última atleta a descer as corredeiras de Pau foi a atual tricampeã mundial da prova Jessica Fox, que se fizesse um tempo inferior ao de Ana Sátila tiraria o pódio da brasileira. A australiana não fez uma boa prova e acabou na sexta colocação, garantindo assim a medalha para a atleta do Brasil.
 
 
Ao confirmar a conquista inédita Ana comemorou ao lado de toda a equipe brasileira, recebeu o cumprimento dos colegas competidores e a tietagem do público local. O presidente da Confederação Brasileira de Canoagem, João Tomasini Scwertner estava presente e ficou muito emocionado com a conquista. “A felicidade é imensa, a Ana merece todo esse apoio que recebeu, nós mostramos que estamos no caminho certo e vamos para Tóquio com o pé direito, em busca de uma medalha olímpica”, comenta.
 
Ana é uma das maiores promessas da Canoagem Slalom e acumula resultados históricos para o Brasil. Em 2014 foi medalha de ouro pelo caiaque no Mundial Júnior na Austrália, em 2015 conquistou a prata no Mundial Sub-23 e também garantiu a primeira medalha na canoa em Copas do Mundo, na etapa de Praga – CZE, onde também ganhou uma prata na 4ª etapa da Copa do Mundo de 2016, logo depois da sua participação nos Jogos Olímpicos. A brasileira ainda participa da semifinal do K1 Feminino neste sábado (30) e do K1 Extremo Feminino no último dia do evento.
 
Pepe não consegue vaga na final do K1 Masculino
 
O outro brasileiro a competir nesta sexta-feira foi Pedro Gonçalves, ele participou da semifinal do K1 Masculino. O atleta entrou muito focado e motivado na água, e estava fazendo uma boa prova, quando cometeu a penalidade máxima de 50 segundos na porta nº 10, uma porta de remonta (contra a correnteza da pista) que apresentou problemas para vários atletas. O brasileiro manteve o ritmo de sua descida e terminou a sua participação com o tempo de 148.98 segundos, o que o tirou da disputa pelo pódio da prova. “Eu estava muito preparado e motivado, analisei a pista e fiz a prova como eu planejava. A minha linha é um pouco mais agressiva que o normal, e na baliza nº 10 tomei um pouco mais de risco, que foi o que me colocou na classificatória, mas infelizmente por alguns centímetros eu acabei tomando uma penalidade de 50 segundos na semifinal. Isso é esporte de alto nível, um centímetro a mais você está fora e um centímetro a menos você está dentro”, comenta o atleta.
 
O Mundial ainda não acabou para o Pepe, no domingo (30) ele participa do K1 Extremo Masculino e diz que o resultado de hoje não vai afetar o seu ânimo para o resto da competição “Saio muito chateado por não ter entrado para a final do K1 mas agora é levantar a cabeça e se preparar para a prova de domingo, que também tenho chances de medalha. A gente está mostrando que veio para ficar, que estamos evoluindo, e que não são só resultados aleatórios”.
 
 
 
Mais brasileiros em semifinais neste sábado (30)
 
A medalhista de bronze entra na água novamente amanhã agora pelo K1 Feminino, a descida dela será às 05h49 da manhã pelo horário de Brasília. Além dela Felipe Borges também estará na disputa inédita em uma semifinal no C1 Masculino ele será o segundo a descer na prova do C1 Masculino neste sábado (30), às 06h40 pelo horário de Brasília. Já Ana Sátila novamente entra na água um pouco mais cedo às 05h49 da manhã agora disputando pelo K1 Feminino, a brasileira está tendo disputas em todos os dias do evento.
 
Transmissão ao vivo no final de semana
 
As transmissões ao vivo nos canais SPORTV continuam durante o final de semana. No sábado as finais do K1 Feminino e C1 Masculino terão transmissão no SPORTV 2 com início às 10h10 e no domingo as finais do K1 Extremo Masculino e Feminino terão transmissão no canal SPORTV 2 também a partir das 10h10.
 
A competição teve início na terça-feira (26/09) e acontece até o domingo (01/10). Todo o evento terá transmissão ao vivo pelo canal do Youtube na Federação Internacional de Canoagem, clique aqui.
 
 Mais informações: 
 
Equipe Brasileira na Europa
 
Equipe Técnica
Denis Terezani – Chefe de Equipe
Cassio Ramon Petry – Técnico
Diórgines Antunes - Fisioterapeuta
Fábio Canhete – Assessor de Imprensa
 
Atletas
Ana Sátila
Charles Corrêa
Felipe Borges
Guilherme Mapelli
Pedro Gonçalves
Leonardo Curcel
Renan Soares
Omira Estácia

Governo do ParanáSaneparJMaluceliBolsa AtletaComitê Olímpico Brasileiro Comitê Paralímpico Brasileiro International Canoe Federation Internation Rafting Federation Pan American Canoe Federation Confederacion Suramericana de Canotaje Banco Nacional do Desenvolvimento Lei de Incentivo ao Esporte GE Itaipu Binacional Governo Federal
Confederação Brasileira de Canoagem

Rua Monsenhor Celso, 231 - 6º andar - Centro - Curitiba - PR - CEP 80010-150
Telefone 41 3083 2600 - Fax 41 3083 2699
Apycom jQuery Menus BNDES Facebook Flickr Youtube Google +