Seletiva Nacional para Jogos Sul-americanos da Juventude - São Paulo - SP
06/07/2013 - 06/07/2013
Informações Gerais


SELETIVA NACIONAL PARA I JOGOS SUL-AMERICANOS DA JUVENTUDE DE CANOAGEM VELOCIDADE – 2013
 

Entre os dias 26 e 28 de setembro serão realizados os Jogos Sul-americanos da Juventude em Lima – Peru (http://juegossuramericanos2013.pe), abaixo seguem informações sobre a seletiva que será realizada para definir os atletas que representarão o Brasil na Canoagem:


Local: Represa de Guarapiranga – Centro de Treinamento de Canoagem Velocidade

Endereço completo:
Estrada do Itupu, 1077. Chácara Vista Alegre - São Paulo - SP.
CEP: 04922-100.
Fone: (11) 5514-6912

Organização:
Confederação Brasileira de Canoagem – CBCa

Apoiadores:
Prefeitura Municipal de Muzambinho/MG
Instituto Federal do Sul de Minas Gerais - IFSULDEMINAS

Programação completa:
Inscrições
Início
04/06
08h00
Término
03/07
12h00
Treinamentos
06/07
09h00 as 12h00
Reuniões
Arbitral
09h00
Técnica
10h00
Competições de Canoagem Velocidade
(Formato YOG)
06/07
Caiaques (K1) Fem
14h00
Caiaques (K1) Masc
15h00
Canoas (C1) Masc/Fem
16h00


Categorias de Idade
Única – Nascidos entre 1° de Janeiro de 1997 a 31 de Dezembro de 1998.

Vagas
Foram disponibilizadas 3 (três) vagas para o Brasil:
 
1 (uma) vaga para Caiaque Individual Masculino (K1M)
1 (uma) vaga para Caiaque Individual Feminino (K1F)
1 (uma) vaga para Canoa Individual Masculino (C1M)
1 (uma) vaga para Canoa Individual Feminino (C1F) – a confirmar
 
 
Características do Percurso
O percurso será realizado em um lago, limpo e tranquilo. A organização não irá fornecer coletes salva-vidas. Será um confronto direto, sendo um evento individual em um circuito de aproximadamente 420m. O curso para cada atleta consiste em 2 x 80m, 1 x 160m linhas retas e duas curvas. As provas serão entre: Caiaques e Canoas para homens e Caiaques para mulheres. O formato utilizado para progressão dentro da prova será o mesmo utilizado nos Jogos Olímpicos da Juventude 2010 em Singapura. Segue abaixo:
 
N°. de Barcos
Fase 1
Fase 2
Fase 3
Fase 4
Fase 5
Fase 6
16
8 pares
4 pares
6 pares
4 pares
2 pares
Final
24
12 pares
6 pares
8 pares
4 pares
2 pares
Final
 
Os atletas são emparelhados por sorteio a ser realizado na reunião técnica.
Cada dois atletas competirão um contra o outro ao mesmo tempo. O atleta mais rápido de cada par avança para a próxima fase. Os perdedores da primeira fase terão uma segunda chance para se qualificar através da repescagem (Fase 2). Os quatro mais rápidos atletas da repescagem avançam para Fase 3.


Prova de Canoagem Velocidade
Os dois atletas começam ao mesmo tempo, em lados opostos do percurso. Os atletas terão de remar em uma pista com formato de "8", onde executará uma curva à esquerda e outra à direita (seqüência depende de que lado começar), e ao meio (entre as curvas) uma linha reta. Eles terminarão no lado oposto onde começaram. O atleta que atinge a linha de chegada em primeiro lugar é o vencedor e avança para a próxima fase. Os perdedores da Fase 1 participarão da repescagem, a fim de ter mais uma chance de permanecer na competição. Nas fases seguintes os perdedores serão eliminados.
 
FORMATO DA PROVA DE CANOAGEM VELOCIDADE PARA CANOAS E CAIAQUES
 
 
 
 
O início da disputa
Os atletas de cada par começarão na linha central e ao mesmo tempo, contudo a 180 graus em relação um ao outro sobre o curso. Os atletas deverão estar na zona de partida (cerca de 50 m) não menos de dois minutos antes do tempo de início. O cronograma de largada será respeitado rigorosamente. Se um atleta não começar e não tendo nenhuma razão válida aprovada pelo Comitê de Prova, ele/ela será desclassificado da competição. Se um atleta retirar-se, o outro atleta não precisa começar, mas será considerado como o vencedor e avançará para a próxima fase. Será utilizado um sistema de partida manual para início as disputas. O comando de partida será: "READY – SET", então sinal de partida será dado (um sinal sonoro - corneta). Entre "READY" e do sinal de partida os concorrentes não devem remar. Se qualquer um dos atletas começa remar antes do sinal de partida receberá uma advertência, e logo em seguida será dada uma segunda largada. No caso de uma segunda largada falsa pelo mesmo competidor, ele/ela será desclassificado da competição na disciplina que disputa. No caso de um atleta desclassificado por falsa largada, o atleta oponente não precisará percorrer a prova e será declarado o vencedor dessa disputa.
 
Durante o Percurso
Os atletas devem remar do lado de fora das linhas da pista (cordas ou bóias ao longo de todo o curso do início ao fim). O corpo do atleta, remo do barco pode tocar as cordas e bóias em qualquer ponto, mas o barco não pode estar dentro do percurso. Se o barco se mover para dentro da linha de corda ou deixar quaisquer boia a partir do lado direito (exceto a bóia da linha de chegada) será desclassificado da prova. Se o atleta virar o barco é eliminado da prova. Se o remo o qualquer acessório do barco do barco (finca pés etc.) quebrar, a disputa não será repetida. Remos para reposição não poderão ser entregues ao atleta por outro concorrente ou torcedor.
 
Chegada
A linha de chegada é a mesma linha de largada para cada atleta. Os atletas terminarão a prova, quando a proa do barco passar a linha de chegada entre as duas bóias com bandeira. Em caso de empate em qualquer disputa, uma nova disputa deve ser realizada antes da próxima fase, haverá disputas diretas até que haja um vencedor.


Regras gerais


Tipos de embarcações:
Não serão fornecidas embarcações para o evento. Só poderão participar as embarcações de C1 e K1 Olímpico. Todos os barcos serão submetidos ao controle do barco antes da competição. No caso em que exija um peso extra, seja necessário para atingir o limite de peso mínimo dos barcos, este será adicionado e fixado no controle dos barcos, garantindo que todos os barcos tenham um  peso mínimo aplicável ao mesmo tipo de embarcação. A aferição dos barcos será realizada em horário e local informados em reunião técnica. As características dos barcos devem seguir o regulamento da modalidade disponível no site oficial da CBCa.
 
Substituição de atletas
Não é permitida em hipótese alguma a substituição de atletas.
 
Nova disputa
Caso haja irregularidades na pista, isso pode resultar em uma nova disputa. Os atletas podem ser solicitados para re-executar qualquer disputa encerrada após uma decisão do Comitê de Competição. Qualquer decisão de nova disputa não pode ser objeto de recurso.
 
Penalidades - desqualificação
O Comitê de Prova pode impor as seguintes penalidades no atleta: Advertência ou Desclassificação.
 
Protestos/ Recursos
Após ser informado sobre a penalidade, somente o chefe de equipe pode protestar contra as irregularidades da competição, junto ao coordenador da prova, até vinte minutos após o fato. O protesto ou requerimento deve ser acompanhado com taxa de R$ 300,00 (trezentos reais). Essa taxa será devolvida se o protesto for acatado. Em caso de desacordo posterior com a decisão do Comitê de Prova, o chefe da equipe pode apelar ao Júri (formado por três árbitros do evento) dentro de 20 minutos da decisão do Comitê de Prova. O protesto não pode ser feito contra a desqualificação por falsa partida e/ou negociação de percurso errado.
 
Barcos e numerais
Todos os barcos que disputarão as provas, devem possuir uma chapa vertical, feita de material não transparente, marcado com números pretos sobre fundo branco indicando o número 1 ou 2. Atletas que receberem o número 1 (por sorteio) alinharão ao lado direito do curso, enquanto o atleta com o número 2 alinhará para o lado oposto. O tamanho da numeral do barco deve ser de é de 18 x 20 cm.
 
Controle de Doping
Não serão realizados exames de controle de doping. Mas, todos os atletas assinarão um termo de consentimento alegando ter ciência de todas as regras e regimentos impostos pelo Código Mundial de Antidoping e suas normas internacionais relevantes.
 
 
Disposições Gerais
Somente membros dos clubes filiados à Confederação Brasileira de Canoagem, têm o direito de participar da competição. Os Clubes são responsáveis por garantir que seus atletas apresentem as condições físicas e técnicas adequadas para participar da seletiva. Todo competidor deve ter habilidade suficiente para levar o seu barco até a linha de largada, alinha-lo a contento, seguindo as instruções do Juiz Alinhador e, uma vez dado a largada, levar a sua embarcação ao centro da pista delimitada para si até a linha de chegada. Deve saber nadar e no caso de deficiência nesta habilidade, deve usar colete salva-vidas. Deve ser responsável por apresentar o seu material em condições adequadas para a competição no horário certo. Todo competidor deve utilizar o uniforme de seu clube. Deve estar munido de seu documento de identidade oficial, com foto, e apresentar o documento antes de cada disputa. Os casos omissos serão resolvidos pelo Comitê de Prova.
 
 
Inscrições
Link inscrições online: extranet.canoagem.org.br/acessos. Para dúvidas relacionadas ao cadastro, entrar em contato pelo email cadastro@canoagem.org.br ou pelo telefone 41 3083 2600.
 
Alojamento
Não serão disponibilizadas vagas para alojamento.
 
Alimentação
Não será disponibilizada alimentação pela organização do evento.
 
Premiação
Por se tratar de evento – seletiva não haverá premiação.
 
Contatos
Comitê de Canoagem da Juventude
Supervisor: Prof. Dr. Heros Ferreira
Email: heros.ferreira@canoagem.org.br
 
Técnico – Seleção Brasileira Canoagem Velocidade – Junior
Lauro de Souza Junior
Email: juninho_pinda@hotmail.com











Confederação Brasileira de Canoagem

Rua Monsenhor Celso, 231 - 6º andar - Centro - Curitiba - PR - CEP 80010-150
Telefone 41 3083 2600 - Fax 41 3083 2699
Apycom jQuery Menus